ESG: Sustentabilidade gerando sucesso corporativo

Consumidores cada vez mais preocupados com o meio ambiente têm no ESG uma forma de avaliar a postura das empresas em relação à governança e sustentabilidade.

O ESG, sigla para “Environmental, Social and Governance” (ambiental, social e governança), representa uma mudança de paradigma nas relações entre empresas e investidores. Essa métrica orienta práticas de negócios baseadas em critérios de sustentabilidade, além do lucro financeiro. Impactos ambientais, gestão de resíduos, direitos humanos e contabilidade são alguns aspectos considerados.

Investidores estão cada vez mais exigentes quanto à adoção e divulgação de práticas ESG, pois reconhecem o risco que a falta de compromisso ambiental representa para a sustentabilidade do sistema financeiro global. Grandes instituições têm interesse na rentabilidade das empresas em que são acionistas e, portanto, cobram ações que protejam o valor a longo prazo.

É evidente que a sobrevivência dos negócios está intrinsecamente ligada à continuidade da espécie humana, ameaçada pela crise climática iminente. Empresas e investidores conscientes entendem essa interdependência e reconhecem a importância de práticas ESG para garantir um futuro sustentável.

Powered by Rock Convert

Além disso, consumidores cada vez mais preocupados com o meio ambiente têm no ESG uma forma de avaliar a postura das empresas em relação à governança e sustentabilidade. Eles escolhem apoiar empresas que demonstrem transparência em seus valores e práticas, alinhados aos seus próprios princípios.

Nesse cenário, o ESG tem um impacto significativo na percepção das empresas, independentemente de seus resultados financeiros. Valores e propósito tornaram-se aspectos valorizados tanto por investidores quanto pelo consumidor final. Empresas de capital aberto são especialmente afetadas, uma vez que seu desempenho em critérios ESG pode influenciar a cotação de mercado e a votação dos acionistas.

As práticas ESG não apenas mitigam riscos e geram valor a longo prazo, mas também possibilitam a integração com estratégias corporativas, melhor governança e uma comunicação mais eficiente com acionistas e partes interessadas.

Ao adotar práticas ESG, as empresas precisam adaptar-se a processos mais sustentáveis e abraçar práticas ligadas à Economia Circular.

Essa abordagem não só atrai um público crescente interessado no consumo consciente, mas também traz benefícios reais para as empresas em termos de reputação e crescimento sustentável.

Powered by Rock Convert

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.