O que é metodologia ágil e como utilizá-la na empresa?

A metodologia ágil na empresa faz com que o negócio obtenha melhorias significativas na gestão dos projetos e no relacionamento com o cliente. Antes do seu surgimento, quem requisitava por uma solução só tinha contato com a aplicação depois de estar finalizada.

A abordagem tradicional de desenvolvimento — também conhecida por método cascata — era bastante engessada. Isso se tornou um grande problema, visto que os sistemas desenvolvidos muitas vezes não atendiam os clientes da forma que se esperava, além de ser um projeto com um longo tempo de execução. Portanto, essa metodologia era recomendada para aplicações previsíveis, de modo a não sofrer grandes alterações ao longo do tempo. 

Já em relação aos projetos que demandam uma certa flexibilidade, havia a necessidade de criar uma nova metodologia gerencial, que fosse capaz de integrar mais o cliente, contribuindo para um produto final de fato alinhado com as suas expectativas. Neste post, vamos falar mais sobre essa nova abordagem e de como aplicá-la em sua empresa? Acompanhe!

O que é metodologia ágil?

Podemos definir a metodologia ágil como um conjunto de práticas de gestão que promovem a melhoria contínua para fazer entregas alinhadas com as expectativas e necessidades dos clientes. Depois de ser muito usada no desenvolvimento de software, com o passar do tempo, ela foi incorporada em muitas outras áreas.

Essa abordagem é descrita no Manifesto Ágil, documento criado por desenvolvedores norte-americanos, que buscavam uma forma de agilizar o desenvolvimento de software. Desse modo, a metodologia ágil é composta por quatro princípios:

  • software em funcionamento mais do que documentação abrangente;
  • indivíduos e interação mais que processos e ferramentas;
  • colaboração com o cliente mais que negociação de contratos;
  • responder a mudanças mais que seguir um plano.

Como funciona a metodologia ágil?

Fazendo uma breve análise desses quatro princípios, podemos concluir que a ideia por trás da metodologia ágil é deixar de lado processos engessados e documentações para priorizar o bom funcionamento das partes de um software. Desse modo, é possível que o produto final atenda cada vez mais às necessidades dos clientes.

Além disso, os desenvolvedores precisam estabelecer diálogos frequentes para a troca de feedbacks sobre o trabalho realizado, bem como a interação com o cliente durante as etapas do projeto. Por fim, a flexibilidade e a capacidade de adaptação às mudanças é outro aspecto que a metodologia ágil busca priorizar.

Quais os benefícios de investir em metodologias ágeis?

Partindo do pressuposto de que o cliente passa a ser mais atuante em um projeto em comparação com o método em cascata, o uso da metodologia ágil na empresa implica em vários benefícios. Confira alguns deles, a seguir.

Colaboração

Dentro da metodologia ágil há um maior grau de interação e relacionamento entre os membros da equipe e com os clientes. Além disso, estamos falando de profissionais dotados de diferentes conhecimentos, o que contribui para agregar valor ao produto em todas as etapas de execução do projeto.

Outra característica relevante a ser destacada é a quantidade de pessoas por equipe, que agora passa a ser menor. Desse modo, essa estratégia faz com que o relacionamento interpessoal se torne ainda mais consolidado e duradouro.

Comunicação

Quem adota a metodologia ágil dificilmente vai sofrer por interferências ou entraves na comunicação. Isso porque as reuniões para avaliação e feedback costumam ocorrer presencialmente, além de contar com ferramentas para a visualização de dados, como quadro de Kanban, relatórios e dashboards. Dessa forma, o cliente tem uma noção exata de tudo o que está acontecendo, assim como a equipe consegue aprimorar continuamente a qualidade e o tempo de execução de todas as atividades.

Powered by Rock Convert

Simplicidade

Diferentemente do método cascata, a metodologia ágil trabalha com a simplicidade, com o intuito de não se prender demais às documentações e aos planejamentos. Como o foco principal é entregar alguma funcionalidade ao cliente durante o projeto, é importante ter essa flexibilidade e trabalhar da forma mais simples possível, de modo a maximizar a eficiência e a produtividade.

Quais as principais metodologias ágeis?

Existem várias metodologias ágeis que a sua empresa pode adotar. Abaixo, veja quais são as principais!

Scrum

O Scrum é uma metodologia que trabalha com os chamados sprints, pequenos ciclos em que uma determinada parte de uma aplicação é desenvolvida. Além disso, conta com algumas peças fundamentais como o Product Owner, o Scrum Master e o Dev Team.

O primeiro é responsável por fazer um contato inicial com o cliente para levantar os requisitos e outras informações sobre o projeto. O segundo tem por função gerenciar a equipe desenvolvedora para cumprir os sprints dentro do prazo determinado. Por fim, o terceiro é o time de desenvolvimento, que de fato colocará a mão na massa.

eXtreming Programming

O eXtremming Programming ou XP é uma metodologia baseada nos seguintes valores: simplicidade, feedback, comunicação, respeito e coragem. Assim como no Scrum, trabalha com entregas curtas, que são chamadas de smart releases.

Outra característica importante desse método é prezar pela simplicidade, a fim de nunca fazer mais do que foi solicitado (simple design). O XP trabalha também com os chamados testes de aceitação, que é quando o cliente faz a validação de uma entrega, permitindo a continuidade do projeto em andamento.

Test Driven Development

O TDD ou Test Driven Development consiste em fazer um desenvolvimento orientado por testes. Esse é um processo cíclico composto pelas seguintes etapas:

  • criar um teste unitário (aquele que serve para verificar se parte da aplicação está funcionando);
  • desenvolver o código que será submetido a esse teste unitário;
  • refatorar o código de modo que ele passe novamente pelo teste unitário.

Como implementar uma metodologia ágil na empresa?

Implementar a metodologia ágil é algo que requer uma mudança na cultura organizacional na empresa. Para isso, é importante ter em mente alguns pontos que podem ajudar nesse processo. Uma das características de um negócio alinhado com o mindset ágil é a capacidade de auto-organização, instigando os profissionais a darem contribuições constantemente.

Além disso, é preciso pensar em um projeto sendo decomposto em pequenos ciclos de curta duração para promover maior interação e feedback com os clientes. Considera-se também a busca pela transparência e pelas melhorias constantes na execução das atividades.

Por último, salientamos uma comunicação horizontal dentro da empresa para que as hierarquias não fiquem tão explícitas como antes. Visto que os colaboradores são capazes de fazer a autogestão e auto-organização das atividades, isso ajuda para que os processos sejam mais fluidos. Além do mais, permite que os gestores possam se dedicar às atividades mais estratégicas do negócio.

A metodologia ágil na empresa ajuda o negócio a obter melhorias significativas na gestão de projetos e no relacionamento com o cliente. Como visto, é uma abordagem que vai à contramão do método cascata, prezando por aspectos como flexibilidade, entregas contínuas e interação com o cliente. Tudo isso com o objetivo de promover processos mais eficientes para garantir a qualidade do produto final.

Gostou deste conteúdo? Então conte-nos o que achou do artigo. Caso tenha alguma dúvida, deixe também um comentário que logo responderemos!

Powered by Rock Convert

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.